porLuis Augusto Moretto

Trabalho Remoto – Dicas para maximizar sua produtividade

Com o surto do coronavírus (covid-19) tem mais pessoas trabalhando em casa do que nunca. Se você é novo no trabalho remoto, essas dicas de um profissional de home office podem ajudá-lo a se manter produtivo e em equilibrio entre o trabalho, tarefas de casa e exercícios físicos.

Disciplina de horários

Estabeleça um horario de trabalho remoto e cumpra-o … na maior parte do tempo. Ter diretrizes claras sobre quando trabalhar e quando encerrar o dia ajuda muitos trabalhadores remotos a manter o equilíbrio entre vida profissional e pessoal. 

Um dos benefícios do trabalho remoto é a flexibilidade e, às vezes, você precisa estender o dia ou começar cedo para acomodar o fuso horário de outra pessoa. Quando o fizer, certifique-se de encerrar mais cedo do que o normal ou dormir um pouco na manhã seguinte para compensar.

Diligence matinal

O que em sua rotina matinal indica que você está prestes a começar a trabalhar? Pode ser fazer uma xícara de café e dedicar um tempo para saboreá-lo antes de começar a olhar para sua lista de tarefas 

Pode ser voltar para casa depois de uma corrida. Pode ser se vestir (usar calças de pijama para trabalhar é uma vantagem para alguns, mas uma estratégia ruim para outros). Uma rotina pode ser mais poderosa do que um relógio para ajudá-lo a começar a cada dia.

Eu digo “manhã”, mas nem todo mundo que trabalha em casa segue uma programação das nove às cinco. A sua rotina pode ser uma “iniciação” em outra hora do dia.

Mantenha um número de telefone reservado

Configure um número de telefone que você só use para chamadas para colegas e clientes. Pode ser um serviço VoIP gratuito, como o Google Voice ou um número Skype. Semelhante a algumas das outras dicas, ter um número de telefone separado ajuda você a gerenciar seu equilíbrio entre vida profissional e pessoal.

Considerações

Acima de tudo, descubra o que funciona melhor para você. Às vezes, a resposta é aparente, mas outras vezes você pode precisar de inspiração de outras pessoas que estão no mesmo barco. Comunique-se com o time!

Pode-se dizer que a tendencia do trabalho remoto veio para ficar. A exemplo disso a Microsoft está flexibilizando o trabalho remoto assim como outras gigantes do Vale do silício!

porLuis Augusto Moretto

The Social Dilemma – Hora de repensar no uso das tecnologias!

The Social Dilemma é o momento de repensar o comportamento individual e sua relação com a tecnologia. A mesma tecnologia que permitiu manter-nos hiper conectados, também deu origem a uma série de consequências indesejadas que estão nos impactando.  Entenda the socia dilemma!

O Dilema

Nunca antes um punhado de designers de tecnologia teve tanto controle sobre a maneira como bilhões de nós pensamos, agimos e vivemos nossas vidas. A tecnologia que nos conecta também:

  • controla,
  • manipula
  • monetiza
  • divide

Saúde mental

Um estudo com 5.000 pessoas descobriu que o maior uso da mídia social está correlacionado com declínios auto-relatados na saúde mental e física e no nível de satisfação com a vida.

Técnicas de design persuasivas, como notificações push e a rolagem infinita de seu Feed de notícias, criaram um ciclo de feedback que nos mantém refém de nossos dispositivos.

Democracia

O número de países com campanhas de desinformação política nas redes sociais dobrou nos últimos 2 anos.

A publicidade nas redes sociais dá a qualquer pessoa a oportunidade de alcançar um grande número de pessoas com uma facilidade fenomenal, dando aos maus atores as ferramentas para semear agitação e alimentar divisões políticas.

Descriminação

The Social Dilemma é sobre o fato que 64% das pessoas que aderiram a grupos extremistas no Facebook o fizeram porque os algoritmos os conduziram até lá. Os algoritmos promovem conteúdo que provoca indignação, ódio e amplifica preconceitos nos dados que os alimentamos.

Dicas

Analise quanto tempo você passa diariamente no seu feed de notícias, facebook, instagram, tiktok e outros? Agora imagine utilizando esse tempo para colocar aquele plano que você tem guardado?

Quer saber como? É um pouco radical mas remova todos os APP ou se você vive um dilema onde é impossível viver sem a rede social, simplesmente desabilite suas notificações.

Não deixe que o Youtube, Facebook, Instagram, Spotify decida por ti. Evite as recomendações e sempre escolha o que vc deseja ou precisa se informar!

Assim você não é controlado pela tecnologia e sim utiliza a mesma para te auxiliar e não o contrário. Cada minuto engajado em seu Instagram seu nível de felicidade cai e seu tempo de vida é monetizada. Reavalie seu comportamento!

Ajude a mudar como a tecnologia é projetada, regulamentada e usada você é um agente de mudança! #Thesocialdilemma deixe sua opinião!

porLuis Augusto Moretto

Keycloak – Sistema de autenticação para serviços modernos!

Sistema de autenticação para serviços modernos!

O que é o keycloak.?

Keycloak é uma solução de gerenciamento de identidade de código aberto voltada para aplicativos e serviços modernos. Foi desenvolvido pela RED HAT Community!

O ferece recursos como Single-Sign-On (SSO), Identity Brokering e Social Login, Federação de usuários, Adaptadores de cliente, um Admin Console e um Console de gerenciamento de conta.

Em nosso tutorial, vamos entender um pouco de seu funcionamento.

Single-Sign On

Os usuários se autenticam com o keycloak., em vez de aplicativos individuais. Isso significa que seus aplicativos não precisam lidar com formulários de login, autenticação de usuários e armazenamento de usuários. Uma vez conectado, os usuários não precisam fazer o login novamente para acessar um aplicativo diferente.

Isso também se aplica ao logout. Fornece logoff único, o que significa que os usuários só precisam fazer logoff uma vez para fazer o logoff de todos os aplicativos que usam o sistema.

Admin Console

Por meio do console de administração, os administradores podem gerenciar centralmente todos os aspectos do servidor keycloak.

Eles podem ativar e desativar vários recursos. Eles podem configurar o broker de identidade e a federação do usuário.

Eles podem criar e gerenciar aplicativos e serviços e definir políticas de autorização refinadas.

Eles também podem gerenciar usuários, incluindo permissões e sessões.

Console de gerenciamento de contas

Por meio do console de gerenciamento de contas, os usuários podem gerenciar suas próprias contas. Eles podem atualizar o perfil, alterar senhas e configurar a autenticação de dois fatores.

Os usuários também podem gerenciar sessões, bem como visualizar o histórico da conta.

Se você habilitou o login social ou corretagem de identidade, os usuários também podem vincular suas contas a provedores adicionais para permitir que se autentiquem na mesma conta com provedores de identidade diferentes.

Protocolos Padrão

Keycloak é baseado em protocolos padrão e fornece suporte para OpenID Connect, OAuth 2.0 e SAML.

porLuis Augusto Moretto

Design Patterns e seus benefícios no processo de software

O que são os Design Patterns?

Os engenheiros de software podem estar familiarizados com o termo “Design Patterns”, mas muitos não têm idéia de onde eles vêm e o que realmente são.

Conseqüentemente, alguns não veem o valor e os benefícios que os Design Patterns trazem para o processo de desenvolvimento de software, especialmente nas áreas de manutenção e reutilização de código.

Vamos resumir neste post, os benefícios que os padrões de design trazem para o desenvolvimento de software e por que você deve incorporá-los ao seu trabalho.

O que são design patterns e de onde eles vêm?

Os design patterns são comumente definidos como soluções testadas ao longo do tempo para problemas recorrentes de projeto. O termo se refere à descrição de uma solução que você pode ler e a uma instância dessa solução usada para resolver um problema específico. 

Ocorre que certas construções de design, quando usadas repetidamente, levam ao resultado desejado. Os padrões de projeto são representados como relacionamentos entre classes e objetos com responsabilidades definidas que atuam em conjunto para realizar a solução. 

Alguns tipos de design patterns

1 – Creational Patterns: São os padrões de criação e tratam da construção do objeto e de referência. Esse grupo é importante porque sustenta o princípio considerado mais essencial, que diz: programe para interface e não para implementações.

2 – Structural Patterns: São os padrões estruturais que tratam da relação entre os objetos e como eles interagem entre si para formarem objetos grandes e complexos.

3 – Behavioral Patterns: São os padrões comportamentais que tratam da comunicação entre os objetos, especialmente em termos de responsabilidade e de algoritmo.

Benefícios dos padrões de projeto

Os padrões de design têm dois benefícios principais. Primeiro, eles fornecem uma maneira de resolver problemas relacionados ao desenvolvimento de software usando uma solução comprovada. 

A solução facilita o desenvolvimento de módulos coesos com baixo acoplamento. Eles isolam a complexidade que pode existir nos requisitos de software, tornando o sistema geral mais fácil de entender, evoluir e manter. 

Em segundo lugar, os padrões de design tornam a comunicação entre os desenvolvedores mais eficiente. Os profissionais de software podem imaginar imediatamente o design de alto nível em suas cabeças quando se referem ao nome do padrão usado para resolver um problema específico ao discutir o design do sistema.

porLuis Augusto Moretto

Mindset empreendedor em ecossistemas de inovação

A mentalidade ou, em inglês, o mindset do empreendedor inovador é uma das características mais marcantes das Startups. A forma de pensar em ecossistemas de inovação se destaca por fatores, tais como a prática constante da colaboração, a noção de que errar faz parte do aprendizado e a aceitação de inovações com muito menos resistência cultural e a clareza que qualquer empreendimento necessita de capital financeiro para fazer a turbina girar!

Mindset Inovador nas Startups

Diversidade Cultural

A diversidade cultural influencia fortemente a abertura da sociedade sendo comum a troca de ideias e a colaboração inclusive entre possíveis concorrentes. No caso, valorizam-se as as boas ideias acima de formação acadêmica ou cargo exercido.

Uma qualidade do mindset inovador é a humildade. Isso ocorre devido ao grande número de falhas pelas quais os empreendedores passam. Valoriza o capital do conhecimento independente se ela estiver trabalhando em uma garagem ou em um escritório de coworking

Conhecimento

Para empreender é preciso estar ciente de que os desafios para ter uma Startup são vários e, como resultado, uma em quatro morrem no primeiro ano de vida. Engana-se, no entanto, quem pensa que falhar é algo negativo.

A ideia basicamente trata do princípio de que, se você errar, faça-o logo e
aprenda com isso o mais rápido possível para se levantar e tentar de novo.
A falha deve ser visualizada de um prisma positivo, pois prova que você botou a cara a tapa e está tentando de novo, mas dessa vez com o aprendizado do que deu errado.

Não é algo que acabou com a sua vida, pelo contrário, é uma etapa
importante. Para acelerar o processo de aprendizado, deve-se testar a hipótese ou validar o modelo de negócios um um MVP.

Capital Financeiro

A mentalidade e diversidade cultural são ingredientes essenciais para empreender em um Startup, mas sem o Capital Financeiro são insustentáveis.

No caso, para um bom produto chamar a atenção de um investidor é necessário um MVP. O produto mínimo viável da mais segurança ao investidor das possibilidades do produto e serviço no mercado (assim como o modelo de monetização). Como resultado, as chances de conseguir o aporte são maiores.

Quer desenvolver seu MVP? Fale conosco! Deixe seu comentário!

porLuis Augusto Moretto

Frontity – Frontend React para o WordPress

O Frontity é a maneira mais fácil de criar sites extremamente rápidos usando o WordPress e o React. Código open-source para o seu projeto!

Como funciona?

Basicamente o WordPress é usado como um CMS de forma Headless. Permite a gestão do conteúdo e o compartilhamento destes através da Api REST. A partir da API rest do WordPress recupera o conteúdo e monta o frontend HTML para o seu projeto.

Os aplicativos do Frontity exigem que um servidor Node.js. seja executado. Isso é executado em conjunto com o site WordPress, que agora é relegado a fornecer conteúdo ao front-end baseado no Frontity.

Continue editando seu conteúdo no WordPress

Com o Frontity, você ainda usa o painel do WordPress para editar e gerenciar seu conteúdo exatamente da mesma maneira que está acostumado. À medida que você faz as alterações, o conteúdo é atualizado automaticamente em seu site Frontity, da mesma forma que quando se usa um tema tradicional do WordPress.

Recursos do Frontity

O Frontity e suas extensões ajudarão a economizar muito tempo e esforço de desenvolvimento, além de permitir que você desfrute de todas as tendências tecnológicas mais recentes pré-configuradas para você.

Aqui estão os principais:

100% focado no WordPress : isso significa que o número de conceitos que você como desenvolvedor precisa aprender é mínimo. Nenhuma configuração complexa é necessária para começar, e as consultas às APIs que fornecem o conteúdo são pré-configuradas para o que os desenvolvedores precisam com mais frequência.

Opinativo : Possui um padrão de extensibilidade muito flexível, mais semelhante ao do WordPress em si do que a de outras estruturas JavaScript.

Renderizado dinamicamente : o HTML não precisa ser reconstruído toda vez que o conteúdo é editado ou novo conteúdo é publicado. Nossa abordagem preferida é a SPR , embora existam outras maneiras de configurá-la.

Extensível como o WordPress : temas e extensões podem ser ativados e desativados sem alterações de código.

Dúvidas? Deixe seu comentário abaixo!

porLuis Augusto Moretto

Maximize sua produtividade diária com 5 aplicativos!

Aumente sua produtividade diária!

Estamos em 2020 , vivendo a pandemia de Covid-19 e um fato em nossa rotina digital. Há muito conteúdo na Internet! Você está sendo produtivo? Por experiências pessoais, vi como o uso do meu celular interferiu na minha produtividade. No passado, eu gastava (ou desperdiçava) muito do meu tempo para rolar sem rumo pelos meus vários feeds de mídia social.

No entanto, os telefones celulares não precisam ser prejudiciais à produtividade. Eles podem ser uma ferramenta para aumentar a produtividade e ajudar a fornecer um valor positivo para sua vida.

Com base nas minhas experiências, aqui estão dicas de aplicativos que transformaram meu celular em uma máquina de produtividade. Talvez eles possam fazer o mesmo por você.

1) Google Agenda

Gerencie suas atividades diárias em sua agenda do Google. A ferramenta é gratuita e já vem integrado com o Android. A interface do usuário é fácil de usar e o design organizado do aplicativo para exibir minhas agendas. Permite criar eventos com o Google Meeting para fazer uma videoconferência. Eu coloquei um evento na minha agenda semanal para levar o lixo para a rua 🙂

2) OneNote

Com o OneNote, você nunca precisa se preocupar em potencialmente perder seu caderno ou pedaço de papel com anotações. Este aplicativo ajuda você a organizar suas anotações digitalmente por etiquetas e cadernos, e você pode acessá-las em todos os seus vários dispositivos e sistemas operacionais.

3) SportsTracker

Antes de tudo, quero destacar que o SportsTracker é uma rede de mídia social para atletas / entusiastas do fitness, usada principalmente para acompanhar exercícios de ciclismo e corrida.

O objetivo do aplicativo é permitir que os usuários compartilhem suas atividades de condicionamento físico com a rede SportsTracker, permitindo que outros usuários do elogiem e façam comentários.

4) Spotify

Criei uma playlist de musicas que me motivam e me inspiram a começar o dia. Ja ligo minha playlist as 7 da manha para dar aquela eletrizada! Com o Spotify organizo da maneira que me convêm as minhas músicas de preferencia.

5) Paypal

Com o aplicativo do Paypal gero boletos para cobrar clientes, fazer transferências e gerenciar os pagamentos dos clientes.

Sem enrolação…

É fácil perder a noção do tempo quando você está passando por seus feeds sociais e assistindo a histórias do Instagram de seus amigos, celebridades e pessoas que você realmente não conhece.

Então, quando tomei a decisão consciente de mudar meu comportamento de uso do telefone celular, notei uma mudança. (comecei parando de seguir pessoas que postavam selfs…. e seguindo apenas aquilo que me motiva e inspira para ser um ser humano melhor dimensão trabalho, esportes, saúde física e mental)

Agora estou gastando meu tempo de forma mais produtiva quando uso meu telefone. Em vez de gastar todo o tempo nas mídias sociais, estou organizando meu calendário para a próxima semana, criando uma lista de tarefas para o fim de semana e ouvindo músicas enquanto me desloco pela cidade.

porLuis Augusto Moretto

Dropbox – Uma experiência mínima viável (MVP)

Case do Dropbox como um MVP

O Dropbox se originou como um MVP, com o objetivo de demonstrar o serviço proposto para pessoas interessadas que poderiam se cadastrar. Na época, os criadores ainda não haviam desenvolvido um software funcional que permitisse armazenar e sincronizar arquivos como eles estavam propondo.

Eles não tinham produto para vender. Em vez disso, eles fizeram um vídeo que demonstrou o que o serviço faria. Isso funcionou especialmente bem porque, na época, o conceito de Dropbox era difícil de entender.

E as funcionalidades eram completas?

Além disso, a capacidade de sincronizar arquivos em vários dispositivos não era algo que as pessoas considerassem uma possibilidade, muito menos que a incapacidade de fazê-lo fosse um problema. As pessoas não tinham uma necessidade do serviço até que eles pudessem vê-lo por si mesmos e entender os benefícios.

A demonstração em vídeo original ainda está disponível para exibição no YouTube. O vídeo ainda era um exemplo de MVP, apesar de não haver produto para vender. Isto é porque validou sua ideia de negócio, e as pessoas poderiam se inscrever no serviço, expressando seu interesse e intenção de compra.

Considerações para você que pretende construir seu MVP como o Dropbox

Os MVPs ajudam a minimizar os riscos de iniciar um negócio, reduzindo o tempo investido e custo antes de poder introduzir um produto no mercado. Assim, permitindo que empreendedores e proprietários de empresas para saber o que os clientes querem e, se seus negócios forem bem-sucedidos, antes de gastar muito tempo e dinheiro na criação do produto final perfeito.

Outras empresas que iniciaram com um MVP

Muitos aplicativos e serviços que usamos no dia a dia são desenvolvidos a partir de produtos mínimos viáveis.
Os MVPs não apenas se tornaram negócios de enorme sucesso, mas muitas vezes definiram padrão para sua indústria, com outras pessoas tentando imitar seu sucesso.

Alguns dos serviços mais reconhecíveis que começaram como MVPs são:

  • Yahoo!
  • Spotify
  • AirBnB
  • Uber
  • Zynga
porLuis Augusto Moretto

O que é um MVP – Minimum Viable Product

MVP Produto mínimo viável

Se você pretende empreender durante a pandemia do Corona Virus, este post vai te dar um norte para iniciar o desenvolvimento do seu projeto sonhado através de um MVP!

Um MVP – ou Produto Mínimo Viável – é um “produto” com recursos limitados, usado para validar uma hipótese de negócios. É a maneira mais rápida de começar a construir um negócio. Fica a dica: O produto minimo viável segue a metodologia Lean!

Eu digo “produto” mas nem sempre o resultado é um produto tangível. As vezes Pode ser uma ideia de negócio ou uma demonstração de um produto. Uma melhor escolha de palavras talvez seja “experimento”.

Não confunda um MVP com protótipo. Que fique claro: O Protótipo e o MVP se propõem a validar uma hipótese de negócios. Porém o protótipo pode ser descartado ou seja. Não necessariamente evolui para um produto. Ja o MVP vai virar um produto tangível.

Em termos de desenvolvimento de software, um MVP seria um produto de software tangível, como um aplicativo para celular ou web, com um foco estrito nos recursos e funções incluídos.

Um MVP representa um equilíbrio entre fornecer a funcionalidade e os recursos mínimos necessário do software, mas o suficiente para que ele ainda satisfaça os usuários e atenda aos requisitos de um produto final comercializável. Ou seja tem um core business coeso!

Fique ligado!

Portanto, um um produto mínimo viável não deve ser apenas o esqueleto do seu aplicativo desejado! Os usuários não devem ter a percepção que faltam funcionalidades. De fato, o produto ainda deve atender a todas as suas necessidades, e eles podem nem perceber que existem limitações. Portanto, os clientes indicam se seu produto é viável.

Se o produto atender às suas necessidades, eles o comprarão, mas se se houver algo faltando ou faltando, eles o dirão em pesquisas ou análises. Como em reviews na Playstore, Applestore, Facebook, Google business entre outros.

porLuis Augusto Moretto

Criando um tema do WordPress com React: Parte 1

yarn install

Neste post vamos abordar uma experiência de desenvolvimeno um pouco mais moderna. Vamos desenvolver um SPA (simple page application), com API REST do WordPress para criar um tema do WordPress com React.

Ja falamos sobre a características Headless do WordPress que permite utilizar o front o back de forma separada e independente.

Para quem não conhece, React foi desenvolvido pelo Facebook. React é uma biblioteca para a construção de interfaces de usuário 

Em conjunto, vamos usar o create-react-wptheme – o que tornará nosso tema em funcionamento com o React em pouco tempo. E, claro, a API WP Rest para o back-end.

Requisitos

  • nodejs + npm
  • instalação local do WordPress

create-react-wptheme

O objetivo deste componente é inicializar um novo tema WordPress baseado em React, com apenas alguns comandos. Se algum de vocês conhece o create-react-app, é basicamente a mesma funcionalidade – mas para o WordPress. 

Uma diferença principal é que ele usa o WordPress (não o webpack), como servidor de desenvolvimento. Isso torna o desenvolvimento consolidado em um front end e back end.

Além disso, como é um tema do WordPress, você tem acesso a todas as principais funções, filtros, ações, hooks etc. Além disso, você pode usar o nonce do WordPress para solicitações autenticadas. 

Por fim, se você precisar usar PHP simples – digamos apenas para uma página específica, ainda poderá usar os modelos de página do WordPress – o que é muito útil.

Então, com isso em mente, vamos começar. No console do powershell windows ou bash linux, acesse a pasta wp-content/themes e digite:

npx create-react-wptheme react-wordpress

Observe que “react-wordpress” é o nome do nosso tema. Você pode simplesmente substituí-lo por um nome de tema de sua preferência.

A instalação criou uma pasta raiz, com um diretório “react-src” dentro dela. Considere o diretório react-src como o diretório dos fontes do projeto, pois contém todo o código não compilado. A partir deste diretório – podemos construir o resto. Observe que, nesta etapa, nosso tema ainda não está pronto.

Veja, se você olhar dentro dos temas wp-admin > , verá “react-wordpress” na seção “Temas quebrados”. Isso ocorre porque não temos os arquivos necessários (principalmente o styles.css) para que seja um tema válido. Observe que também precisamos de index.php, para que possamos manter os arquivos JavaScript e CSS juntos.

wpstart

Vamos voltar ao nosso terminal e digitar o seguinte:

cd react-wordpress/react-src
npm run wpstart

Proximo papo:

Iremos mostrar como criar a estrutura de arquivos do projeto e dicas para rodar. Gostou? deixe seu comentário!

Sair da versão mobile