Vantagens em se investir no Inbound Marketing

porGuia de Investimentos

Vantagens em se investir no Inbound Marketing

A internet modificou a maneira como nos relacionamos, nos informamos e consumimos conteúdo, trazendo a tona técnicas como o Inbound Marketing. 

Com acesso via dispositivos móveis, é possível encontrar as mais diversas temáticas em segundos, na palma da mão. 

Por conta disso, muitas empresas têm se voltado para as estratégias do Inbound Marketing, que diferentemente da publicidade tradicional, não vai atrás dos clientes.

Isso porque ela explora canais online, como mecanismos de busca e blogs, para ter relevância e autoridade no mercado.

Apesar de não ser exclusivo na internet, o Inbound Marketing encontrou um campo fértil para desenvolver suas estratégias dentro do marketing digital.

Estudos na área mostram que cerca de 50% das empresas que adotaram o Inbound Marketing levaram menos de 30 dias para o fechamento das vendas.

Isso em comparação a somente 17% dos negócios que usam a publicidade tradicional (também chamada de Outbound Marketing).

Portanto, a estratégia aparece como uma das preferidas dentro das ações em marketing digital. Afinal, ela é parte importante das campanhas para atrair leads (potenciais clientes), aumentar o número de visitantes e obter reconhecimento no mundo online.

Entenda mais sobre o conceito de Inbound Marketing

O conceito de Inbound Marketing surgiu em 2009. Isso por conta do lançamento do livro “Inbound Marketing: seja encontrado usando o Google, a mídia social e os blogs”, de Brian Halligan e Dharmesh Shah, nos Estados Unidos. 

A partir daí, a estratégia ganhou cada vez mais adeptos, sendo a principal forma de atração dos clientes na internet.

O Inbound Marketing também é chamado de “marketing de atração”, justamente porque a estratégia tem o objetivo de ouvir as pessoas e oferecer algo relevante, isto é, que realmente atenda às necessidades dos usuários.

Por exemplo, enquanto no marketing tradicional temos um anúncio sobre uma promoção móveis planejados, destacando o preço e condições de pagamento, o Inbound focará nos diferenciais dos produtos, explicando o porquê é vantajoso adquirir um móvel planejado.

Outro ponto importante é que o Inbound Marketing não vai até o cliente, mas espera que ele venha até à empresa. 

No exemplo citado acima, o usuário não irá pesquisar sobre a promoção, mas pode buscar sobre benefícios dos móveis planejados, dicas de decoração para casa e outros assuntos relacionados.

Portanto, o Inbound Marketing cria um conteúdo de qualidade, a respeito das dúvidas, questionamentos e necessidades principais dos usuários. 

Assim, a empresa apresenta soluções em forma de mensagem, tornando-se autoridade naquele determinado assunto, com reconhecimento no mercado.

Em geral, o Inbound Marketing tem como principais objetivos:

  • Aumentar a visibilidade do seu negócio;
  • Educar os usuários acerca dos produtos/serviços;
  • Atrair maior número de clientes em potencial;
  • Ter mais assertividade nas campanhas publicitárias.

Para se ter uma ideia da importância da metodologia, as empresas que adotaram o Inbound Marketing como estratégia alcançaram 10 vezes mais leads do que os empreendimentos que não utilizam o método. 

Por conta disso, o conceito é cada vez mais presente em todos os tipos de negócios, desde grandes multinacionais até empresas de menor porte, como uma desentupidora em Jundiaí.

Conheça 5 vantagens do Inbound Marketing

Além de conquistar um número maior de potenciais clientes, o Inbound Marketing trabalha com campanhas menos invasivas. 

Por exemplo, quando estamos vendo televisão e somos interrompidos pelos comerciais, com anúncios agressivos sobre produtos/serviços, estamos diante do Outbound Marketing (publicidade tradicional).

No Inbound, não há essa interrupção – ao contrário, consumimos informação e posteriormente somos apresentados a uma empresa. 

Nesse cenário, podemos procurar na internet formas de instalação de piso laminado preço e nos deparamos com um conteúdo ensinando como realizar o procedimento, mas que alerta sobre os possíveis riscos de instalar pisos sem ajuda profissional.

Somente após aprender mais sobre o serviço, somos apresentados a uma empresa especializada na instalação de revestimentos laminados. 

Assim, podemos optar ou não por contratar o negócio. De qualquer forma, já passamos a conhecer a empresa e a considerá-la especialista no assunto.

Ou seja, antes de falar de negócios, cria-se um relacionamento saudável com os usuários e há inúmeras vantagens em se investir no Inbound Marketing. Confira abaixo!

1. É mais barato que o marketing tradicional

Investir em propagandas na televisão, rádio, jornais e revistas pode ser muito dispendioso, ainda mais para empresas que estão começando agora. Mesmo na internet, os anúncios pagos podem custar caro e ainda sim não ter tanta efetividade.

O Inbound Marketing custa 62% a menos em relação ao marketing tradicional. Como consequência, tem-se maior ROI (Retorno sobre Investimento), fora que não é preciso ter um grande investimento para iniciar as divulgações. 

Isso ocorre porque o Inbound Marketing alcança um ROI de até 275% a mais do que o Outbound Marketing.

Desse modo, uma maneira bastante econômica e atrativa é a construção de um blog. A plataforma funciona como um canal para armazenar conteúdo, no qual a empresa pode colocar textos, vídeos e outros materiais para informar os usuários. 

Afinal, mais de 82% dos profissionais de marketing têm blogs com ROI positivo, com a estratégia Inbound. Entretanto, é preciso manter uma atualização periódica dos blogs. 

Por exemplo, uma empresa especializada no aluguel de galpão pode produzir conteúdos a respeito do uso de armazéns, vantagens de locação de espaços e até mesmo um vídeo educativo sobre operações logísticas. 

No entanto, é preciso destacar que todo o conteúdo deve ter um cronograma, para que os usuários sempre possam consumir informações novas.

Fazer um blog é a melhor forma de promover o crescimento da sua empresa online. Além de econômico, a plataforma atrai muitos visitantes e promove a visibilidade da marca.

2. É voltado para os consumidores digitais

Os usuários buscam soluções cada vez mais personalizadas, por isso, não são atraídos pela publicidade tradicional e massiva. 

O Inbound Marketing dialoga com essa novo comportamento do público digital. Isso porque ele foca nas soluções do seu negócio para o problema do cliente.

Por exemplo, ao buscar métodos de controle de cupins, provavelmente o usuário está sofrendo com uma infestação de pragas urbanas. 

Pode ser interessante falar sobre os melhores métodos de acabar com os cupins, preservar os móveis e prevenir novas infestações – conteúdos bem aproveitados por uma dedetizadora.

Assim, o usuário não se sente “invadido” por uma publicidade agressiva, que pouco tem interesse em seu problema. 

Com o Inbound Marketing, o indivíduo sente-se mais acolhido, pois recebe uma informação relevante sobre algo que ele realmente precisa, afinal, o consumidor online não gosta de argumentos de venda forçados.

3. A sua empresa aparece no Google

O Google é considerado o maior site de buscas de todo o mundo. São mais de 77 mil pesquisas por segundo e 3,5 bilhões por dia, resultando em um número aproximado de 2 trilhões de buscas por ano, de acordo com a própria plataforma.

Do total de pesquisas no Google, cerca de 50% dos usuários acaba visitando o site de alguma empresa e loja física dentro de um dia, é o que aponta pesquisas realizadas pela empresa Consumer Barometer.

Portanto, o motor de busca tem uma alta taxa de conversão, por isso, é importante estar presente no Google.

A metodologia Inbound Marketing permite que as empresas tenham boas posições de ranqueamento no Google, por meio de uma técnica conhecida como SEO (Search Engine Optimization).

Basicamente, a estratégia é usar um conjunto de palavras-chave, em uma determinada quantidade de vezes, dentro do conteúdo. Com isso, o seu site/blog irá aparecer para os usuários, quando eles fizerem uma pesquisa.

Por exemplo, uma empresa de equipamentos de ginástica percebeu que muitos usuários pesquisam por aparelhos de pilates valores no Google. 

Ao produzir um conteúdo, essas palavras podem ser utilizadas e, com isso, há mais chances do website/blog da loja aparecer entre as primeiras páginas do Google.

Vale ressaltar que a primeira posição dos resultados de pesquisa do Google tem uma taxa de cliques de 31,35%, de acordo com dados divulgados pela Ranking Web Advenced

Por esse motivo, quanto mais bem posicionado o seu site/blog estiver no buscador, as chances de conversão são maiores.

4. Cria autoridade e um bom relacionamento com os clientes

Ao fornecer conteúdo relevante, a sua empresa passa a ter credibilidade e autoridade no mercado. 

Imagine um distribuidor de gás que informa os usuários a respeito de medidas sustentáveis para reaproveitamento de GLP, ou ainda dá dicas de segurança para quem usa botijão de gás.

É bem provável que os clientes prefiram comprar desse distribuidor específico, do que de uma empresa que pouco informa sobre o tema.

Além do mais, o Inbound Marketing é uma ótima maneira de manter um bom relacionamento com o cliente. Afinal, a oferta de conteúdo acompanha toda a jornada de compra, sendo possível oferecer materiais cada vez mais ricos.

5. Faz com que seu negócio seja bem divulgado pelos clientes

Por criar um bom relacionamento e fidelizar os clientes, o Inbound Marketing auxilia o seu negócio a ser divulgado por outras pessoas. Ou seja, os consumidores também se tornam parte da estratégia, pois eles recomendam a sua empresa para outros conhecidos.

Ademais, esse tipo de estratégia é muito eficiente, pois as pessoas tendem a fechar negócio mais rápido com empresas bem recomendadas. 

Por exemplo, se um amigo indicar uma poltrona massageadora preço, o produto tem mais chances de ser vendido, em comparação com uma outra poltrona não conhecida.

Com isso, tem-se uma ciclo constante de divulgação, fazendo com o que o seu negócio tenha cada vez mais reconhecimento no mercado.